Foto: Divulgação

Na estreia de Maicosuel e com golaço de Pratto, São Paulo bate Vitória no Morumbi

São Paulo e Vitória fizeram um primeiro tempo morno, mas mudaram a história do jogo na etapa final. Os donos da casa abriram o placar com Thomáz, depois sofreram com a pressão dos visitantes e, nos acréscimos, viram Lucas Pratto fazer um golaço para dar números finais: 2 a 0 para o time tricolor, nesta quinta-feira, no Morumbi.

A partida também marcou a estreia de Maicosuel com a camisa do time paulista. O jogador foi apresentado na última quarta-feira após negociação com o Atlético-MG. O novo camisa 7 começou entre os titulares, mas foi substituído por Thomaz no ínicio do segundo tempo.

Com o triunfo desta quinta, a equipe comandada por Rogério Ceni volta a vencer no Campeonato Brasileiro após a derrota para a Ponte Preta na última rodada. Com nove pontos, o São Paulo ocupa a sétima colocação. Enquanto o Vitória cai para a lanterna, com apenas um ponto conquistado

Zaga falha e é gol

Os donos da casa abriram o placar aos 18 minutos da etapa final. Willian Farias deu bobeira na saída de bola, Marcinho recuperou e tocou para Pratto. O argentino serviu Thomaz, que dominou dentro da área e chutou cruzado no canto direito do goleiro Fernando Miguel.

Duas vezes Renan

Após abrir o placar, o São Paulo viu o Vitória sair mais para o ataque e só não empatar por pouco. Aos 29, Renan Ribeiro salvou duas vezes quase que à queima-roupa e, na sobra, Militão ainda tirou a bola em cima da linha após chute de Paulinho.

Não valeu

Os visitantes até chegaram a empatar, mas o gol foi anulado. Aos 35, Kieza colocou a mão na bola, e, na sequência, Todinho fez o gol, que foi invalidado pela arbitragem.

Golaço e fim de papo

Sofrendo com a pressão do adversário, o São Paulo viu Lucas Pratto acabar com as chances do Vitória. Nos acréscimos, o atacante recebeu pela direita, cortou para dentro e acertou chute colocado no ângulo. Golaço.

Desfalques e retorno

A partida desta quinta-feira também marcaria a volta de Thiago Mendes, que ficou duas semanas afastado por conta de uma torção no joelho. O volante, porém, voltou a sentir um problema e acabou de fora da partida.

Além dele, outros dois desfalques foram Cueva e Rodrigo Caio, que defendem a seleção peruana e brasileira, respectivamente.

Por outro lado, Wellington Nem voltou ao time. O atacante, que se recuperou de artroscopia no joelho esquerdo, começou no banco de reservas, mas entrou em campo aos 31 minutos do segundo tempo no lugar de Marcinho.

Reencontros

O duelo contra o Vitória ainda marcou o reencontro de Kieza e Neílton com a torcida do São Paulo. O primeiro defendeu o clube tricolor na temporada passada, mas deixou o time depois de apenas dois meses. Enquanto o segundo teve situação parecida: chegou no começo deste ano e depois foi negociado com o clube baiano.

Na sequência

Na 6ª rodada do Campeonato Brasileiro, o São Paulo faz o clássico contra o Corinthians, fora de casa, no próximo domingo. No mesmo dia, o Vitória recebe o Atlético-MG no Barradão.

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO 2 x 0 VITÓRIA-BA

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 8 de junho de 2017, quinta-feira
Horário: 19h30 (Brasília)
Árbitro: Rafael Traci – PR (CBF)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Luciano Roggenbaum, ambos PR (CBF)
Público: 12.536 torcedores
Renda: R$ 286.468,00
Cartões amarelos: Bruno (SPFC); Willian Farias (VIT)
GOLS: SÃO PAULO: Thomaz, aos 20, e Lucas Pratto, aos 47 minutos do segundo tempo

SÃO PAULO: Renan Ribeiro; Éder Militão; Maicon e Lucão; Bruno, Jucilei, Cícero (João Schmidt) e Júnior Tavares; Maicosuel (Thomaz); Lucas Pratto e Marcinho (Wellington Nem). Técnico: Rogério Ceni

VITÓRIA-BA: Fernando Miguel; Patric, Alan Costa, Fred e Thallyson; Willian Farias, Uillian Correia (Cleiton Xavier) e Gabriel Xavier Todinho); Neilton (Paulinho), David e Kieza. Técnico: Alexandre Gallo

Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *