Blog do Esporte
26 jun

Marlone salva, Atlético-MG bate a Chapecoense fora de casa e se afasta da zona do rebaixamento

O Atlético-MG conseguiu se afastar da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O time alvinegro venceu a Chapecoense por 1 a 0 neste domingo, em Chapecó, e saltou três posições na competição, após 10 rodadas disputadas.

A equipe alcançou os 13 pontos ganhos e agora está na 14ª colocação, com a mesma pontuação que a Chapecoense, que ganha nos critérios de desempate por possuir mais vitórias.

Na próxima rodada do Brasileirão, o Atlético-MG faz clássico com o arquirrival Cruzeiro, no domingo, às 16h, no Independência. Já a Chapecoense vai ao Rio de Janeiro encarar o Fluminense na segunda-feira, dia 3 de julho, 20h.

No duelo deste domingo, Valdívia fez grande jogada do lado direito e cruzou na medida para Marlone. Livre na área, o meio-campista cabeceou sem chances para Jandrei e abriu o placar.

A equipe de Chapecó foi para o ataque e pressionou o adversário, mas a zaga do Atlético-MG tirou como podia duas vezes e evitou o empate, primeiro com Cleiton e depois com Roger Bernardo.

Em seguida, Lourency fez boa jogada na esquerda e cruzou para Rossi, que cabeceou perto do gol de Cleiton.

O jogo

Aos 11, Valdívia escapou pela ponta direita, deu uma bela finta no marcador e cruzou na cabeça de Marlone que, sozinho dentro da área, só precisou escorar de cabeça. 1 a 0.

Seis minutos mais tarde, Apodi foi até a linha de fundo e cruzou. Cleiton saiu muito mal, mas Wellington Paulista não conseguiu aproveitar e mandou para fora.

A Chapecoense voltou a assustar aos 38, já na reta final. Após cobrança de escanteio pela esquerda, Luiz Otávio subiu mais alto que todos e testou firme. Bem posicionado, Cleiton agarrou com segurança.

Aos 34 da etapa complementar, mais uma jogada aérea e mais uma vez a Chape quase empata. Reinaldo foi ao fundo e cruzou na segunda trave, Rossi entrou sozinho, mas não conseguiu pegar em cheio e a bola foi para fora.

FICHA TÉCNICA:
CHAPECOENSE-SC 0 X 1 ATLÉTICO-MG

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Data: 25 de junho de 2017 (Domingo)
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: João Batista de Arruda (RJ)
Assistentes: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Eduardo de Souza Couto (RJ)
Público: 9.013 pessoas
Renda: R$ 179.080
Cartões amarelos: Fabrício Bruno, Luiz Antônio, Lourency e Arthur (Chapecoense); Bremer, Leonan, Rafael Carioca, Otero e Rafael Moura (Atlético-MG)
GOL: Atlético-MG: Marlone, aos 11 do 1º tempo

CHAPECOENSE: Jandrei, Apodi, Luiz Otávio, Fabrício Bruno e Reinaldo; Andrei Girotto, Luiz Antonio (Lourency) e Lucas Mineiro (Nenén); Rossi, Wellington Paulista (Túlio de Melo) e Arthur. Técnico: Vagner Mancini.

ATLÉTICO-MG: Cleiton; Yago, Matheus Mancini, Rodrigão (Bremer) e Leonan; Roger Bernardo, Rafael Carioca, Marlone, Otero (Luan) e Valdívia; Rafael Moura. Técnico: Roger Machado.

Fonte

Deixe um comentário?

  1. Rivaldo araujo 3 de outubro de 2020 as 20:22

    Flamengo é flamengo ponto final
    Eu sou Flamengo até morrer !

    Responder
  2. Jessilleny 2 de outubro de 2020 as 11:16

    Muito obrigadaaa

    Responder
  3. Caique Marcelo da Silva 18 de agosto de 2020 as 21:47

    Sempre assistir combate UFC , e gostei muito , e tenho muita vontade de ser um lutador de MMA , gostaria muito de ter uma oportunidade, pois sou um cara muito determinado e tenho muita força de vontade, eu sonho um dia entrar em uma academia boa , para que eu possa adquirir habilidades novas, para que os pratocinadores, vejam em mim um futuro lutador de MMA.

    Responder
  4. Edson Luiz Izidoro Gama 15 de julho de 2020 as 16:32

    Olá!
    Se o Galo era o atual campeão brasileiro da época (1937), e foi pra uma disputa de torneio internacional com reconhecimento da Entidade Européia, e venceu, recebendo o troféu chamado ” Campeão do Inverno Europeu “, pode-se dizer que o Atlético Mineiro é também Campeão Mundial?

    Responder
  5. RODRIGO EDVALDO DOS SANTOS 11 de julho de 2020 as 15:32

    Olá Meu nome e RODRIGO EDVALDO eu gostaria muito de ter essa sorte d participar desse esporte tão sonhado eu queria muito provar o meu valor sei que eu vim ao mundo com um propósito de der um vencedor pôs eu já minhaxo um campeão sei que paresse loucura eu dizer essas coisas más e oq eu sinto muita vontade mostrar o meu valor pós a cada ano eu vejo novos lutadores talentosos pós eu queria provar ser más um deles sei que não e um esporte pra brincadeiras más e dessa brincadeira que eu amo 💓✌😎👊💥

    Responder
  6. Jucimara Lochstein 20 de maio de 2020 as 21:49

    Boa noite, gostaria de saber quem é o autor, pois quero colocar algumas coisas no meu trabalho sobre Voleibol.

    Responder
    • MRV no Esporte 29 de maio de 2020 as 10:10

      Olá Jucimara!
      Você pode citar a fonte em seu trabalho como Blog MRV no Esporte e origem portal ESPN 🙂

      Responder
  7. osande 15 de maio de 2020 as 08:50

    a meia lua da área grande serve para que os jogadores fiquem atrás da linha enquanto a cobrança é executada

    Responder
  8. Allan 23 de abril de 2020 as 14:45

    a melhor seleção que já vi jogar, jogava com arte, era muito lindo

    Responder