América-MG busca otimismo para enfrentar a Chapecoense

América-MG busca otimismo para enfrentar a Chapecoense

O lateral-esquerdo Gilson desfalcou o América-MG na derrota para o Fluminense por 1 a 0, no último domingo, em Cariacica. O jogador não se recuperou de uma pancada no joelho esquerdo, que sofreu na partida contra o Santos, na última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Gilson espera ter condições de enfrentar a Chapecoense, na próxima sexta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Independência.

– Tive uma torção no último lance do jogo contra o Santos e fiquei sem condições de jogar contra a equipe do Fluminense. Minha recuperação está boa, e o pessoal da fisioterapia está dando um suporte muito bom. Estou legal, me recuperando bem. Na sexta, se tudo correr bem, estarei à disposição do professor – disse o jogador em entrevista ao site oficial do clube.

Enderson Moreira está na expectativa pela volta de Gilson. Danilo, que jogou na ala esquerda contra o Fluminense, vai cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo na próxima partida. Além dele, o lateral Jonas e zagueiro Sueliton também estão suspensos. A boa notícia é que o treinador poderá contar com o volante Leandro Guerreiro, que retorna ao time após cumprir a automática também pelo terceiro amarelo no domingo.

Quase liberado

O meia Tony iniciou a fase final de recuperação da lesão sofrida no jogo contra o São Paulo, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na quinta-feira, o jogador fez a primeira avaliação em campo, para saber se já pode ser liberado para o período de transição com a preparação física. Segundo o fisioterapeuta Cristiano Salgado, Tony ainda apresenta um pouco de insegurança, o que é normal por ter sido o primeiro teste. A expectativa é de que o meio-campo seja liberado nesta semana para iniciar a fase de transição.

– Estou quase voltando. O trabalho está sendo muito bem feito, com muita segurança. Os profissionais da fisioterapia e do departamento médico são muito seguros, confio muito neles e, com certeza, temos que conter a ansiedade e voltar só mesmo quando estiver cem por cento recuperado – disse o meio-campo.

Fonte:

cta_finalpost_america

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *