Foto: Divulgação

Serra conquista o Campeonato Capixaba Série B 2017

No último domingo, após vencer o jogo de ida da final por 2 a 1, o Cobra-Coral segurou o 0 a 0 com o Rio Branco de Venda Nova e comemorou a conquista do Capixaba Série B de 2017.

Com a nova conquista, o Serra se tornou bicampeão da Série B. O time entrará em recesso até o início da preparação para a disputa da Copa Espírito Santo 2017, que começa no dia 29 de julho. Nesta data, o Serra estreia na competição estadual encarando o rival Rio Branco-ES, no estádio Kleber Andrade, em Cariacica.

O jogo

A equipe, apesar da vantagem para conquistar o título, não se deixou acomodar. O time teve garra desde o início, apresentando três oportunidades para abrir o placar. Aos 14 minutos, Joabe recebeu um passe na esquerda de ataque, puxou para o meio e soltou a bomba. A bola bateu no travessão do goleiro Breno Gobbi e a zaga do Rio Branco afastou.

Vendo a necessidade de um gol de diferença para levar a disputa para o pênaltis, o Rio Branco voltou no segundo tempo determinado a fazer a diferença. O Serra, no entanto, não sofreu muito com essa mudança de atitude – a equipe decidiu não se arriscar tanto, manteve o jogo em um ritmo que garantia a conquista da taça.

Festa do título

Uma vez que o apito final foi tocado, começou a festa no Robertão. A torcida do Serra, invadiu o campo para comemorar a conquista (estava, carentes de um título desde o Capixabão de 2008).

A festa que se iniciou no campo seguiu pro ruas e avenidas do bairro Serra-Sede, com a charanga do time tocando músicas para animar os que acompanhavam. A equipe foi saudada pelas pessoas nas ruas.

SERRA 0 X 0 RIO BRANCO VN
Campeonato Capixaba Série B 2017 (Finais – Jogo de Volta)
Data: 11 de junho (domingo)
Horário: 15h00
Local: Robertão (Serra, ES)
Árbitro: Devarly Lira do Rosário (CBF)
Público: 1.963 pagantes.
Renda: R$ 31.160,00.

Serra: Cristiano, Joabson (Gilmar Baiano), Hycaro, Marquinho e Franklin; Gilmar, Hebert, Joelson e Emílio; Ronaldo Capixaba e Joabe (Diego Alves). Técnico: Celso Caju.

Rio Branco VN: Breno Gobbi, Miguel (Lucão), Wesley, Willian Paulo e Geovani Bellon (Roni); Raone, Willian e Gerlen Willian (Lucas Russel); Jeffinho, Robert e Cleiton Gladiador. Técnico: Marquinho Carioca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *