Pipico reencontra Macaé diferente

Pipico reencontra Macaé diferente

Na realidade do futebol, dois anos é um espaço de tempo considerável. Intervalo suficiente para bruscas transformações: queda, ascensão, ostracismo e popularidade. E este foi justamente o período entre da separação do atacante Pipico e o Macaé. O reencontro propiciou a ambos o exercício de enxergar como o outro havia mudado. O Leão agora é um campeão brasileiro, o jogador, rodado internacionalmente e com passagem pelo Vasco no currículo.

Se a responsabilidade de fazer parte do elenco do Macaé que disputará pela primeira vez a Série B do Brasileiro já é grande, Pipico vive o peso em dobro: justamente por ter deixado o clube, em 2012, para assinar com o Vasco vivendo uma grande fase. Saudade que virou sonho de consumo da diretoria do Leão. Já treinando com os novos companheiros, o atacante encarna o espírito de liderança e diz que aguarda cobranças.

– Sim, responsabilidade grande, com certeza. Minha passagem por aqui não diminui, mas também não aumenta minha responsabilidade. Já se passaram dois anos, agora o clube vive uma nova experiência, nova fase. Então eu espero que a cobrança venha mesmo, até porque nós jogadores estamos cientes da nossa responsabilidade dentro de campo. Para mim, isso só aumenta (a vontade) e me dá mais força para mostrar minha qualidade.

Em 2012, Pipico apareceu para o futebol brasileiro após um Campeonato Carioca em alto nível. Foram cinco gols em 15 jogos, vice-artilheiro do clube no estadual atrás apenas de Josiel, que marcou 7 gols.. O atacante nunca escondeu que deseja voltar a um clube de Série A, mas, antes, o objetivo é fazer o Leão experimentar rugidos ainda mais altos.

– Eu vivi uma fase espetacular aqui no Macaé, que me possibilitou uma ida para o Vasco. Eu retorno hoje bem, feliz. Espero mostrar meu futebol aqui novamente e ajudar ao Macaé a conquistar títulos que ainda não conquistou.

Pipico se apresentou oficialmente ao Macaé no dia 26 de dezembro, quando o clube iniciou a pré-temporada. O Leão estreia no Campeonato Carioca no dia 1º de fevereiro, em casa, contra o Flamengo.

Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *