Os recordes do futebol brasileiro que você não sabia: Top 5 da artilharia

Os recordes do futebol brasileiro que você não sabia: Top 5 da artilharia

Gol é o maior momento do futebol. Pois é aquilo que faz milhões sorrirem e outros milhões chorarem.

Pela sua importância, não é à toa que os responsáveis por marcá-los são tão endeusados (ou odiados). Estamos falando dos artilheiros, aqueles jogadores que têm como principal, senão única, função “colocar a criança na casinha”.

O artigo de hoje é uma homenagem a esses que não são mais meros mortais, que foram elevados a um patamar de heróis graças às centenas de gols que marcaram ao longo de suas profícuas carreiras. Trazemos aqui mais um post da série sobre os recordes do futebol brasileiro que você não sabia, dessa vez abordando os 5 maiores artilheiros da história do esporte nacional.

Quer saber quem são eles? Acompanhe-nos nessa leitura!

1º) Pelé

É óbvio que o Rei do Futebol está na primeira posição. Ele é o maior artilheiro, não apenas da história do futebol brasileiro, mas mundial. Seus números divergem de acordo com cada pesquisa (algumas apontam que ele marcou 1281 gols, outras mostram 1159), mas em algo todas concordam: Pelé é o líder disparado do ranking e, muito provavelmente, nunca será ultrapassado.

2º) Romário

O Baixinho aparece na segunda colocação entre os maiores artilheiros da história do futebol brasileiro. Junto ao Pelé, ele é o único jogador a ter alcançado a incrível marca dos mil gols. Pelo menos de acordo com as suas próprias contas, que apontam 1002 tentos marcados, e da Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS), que mostram 1001.

Segundo outras pesquisas, Romário não chegou aos mil gols, tendo recorrido a jogos-treinos, categorias de base e amistosos para fechar essa conta. De qualquer forma, o número mínimo de gols creditados a ele é de impressionantes 925 tentos.

3º) Dadá Maravilha

O eterno Dadá “Peito de Aço” do Galo tem lugar de destaque na artilharia do futebol brasileiro. Mesmo com grande disparidade entre os rankings (o da IFFHS, por exemplo, mostra que ele marcou 535 gols, ao passo que outras pesquisas apontam 961 tentos), fato é que o folclórico centroavante marcou seu nome na história do esporte no Brasil. Uma frase dita por ele define bem a sua personalidade divertida e, ao mesmo tempo, o seu faro artilheiro: “Não existe gol feio, feio é não fazer gol”.

4º) Túlio Maravilha

Curiosamente, mais um artilheiro com a alcunha de “Maravilha”. A sua presença nessa lista chega a ser polêmica, pois alguns rankings, como o da IFFHS, que computa apenas gols marcados em campeonatos nacionais de primeira divisão, desconsideram vários de seus tentos, marcados em divisões inferiores. O que faz com que ele não se classifique dentre os principais goleadores.

De qualquer forma, somando os gols marcados em todos os times e divisões por onde passou, Túlio Maravilha alcança a grande marca de 885 tentos. Ele próprio jura que chegou aos mil gols, mas essa conta não fecha nem se ele considerar aqueles marcados no futebol de botão e no totó.

5º) Roberto Dinamite

Quem fecha nosso top 5 da artilharia é Roberto Dinamite. O seu famoso chute potente lhe rendeu o apelido e centenas de gols. Novamente, a contagem varia do critério de avaliação de cada ranking, indo de 470 a 745 tentos, mas não deixa de ser notável em todas as pesquisas.

Gostou da lista? Algum nome te surpreendeu, seja pela presença ou pela ausência? Conte para a gente nos comentários!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *