Olimpíadas 2016: o que esperar da seleção brasileira de futebol

Olimpíadas 2016: o que esperar da seleção brasileira de futebol

Os brasileiros ainda carregam amargas lembranças da Copa do Mundo de 2014, ocasião em que o país do futebol sediou a competição e tomou uma das maiores goleadas da história. No entanto, não há nada melhor para apagar más recordações do que renovar as esperanças e começar a sonhar com novas conquistas. As Olimpíadas 2016 no Brasil apresentam uma excelente oportunidade para reverter a triste lembrança da Copa do Mundo e dar aos torcedores brasileiros um bom motivo para comemorar: o ouro inédito!

Mas será que isso é mesmo possível? Veja a seguir o que podemos esperar da seleção brasileira de futebol nas Olimpíadas 2016.

Os principais adversários da seleção olímpica nas Olimpíadas 2016

Em disputas da Copa do Mundo, o Brasil conseguiu conquistar o pentacampeonato, sendo o único país do planeta a erguer a taça 5 vezes. No entanto, na história das Olimpíadas, a medalha de ouro ainda é uma conquista inédita.

Os países que estarão nessa disputa com o Brasil já foram definidos: Honduras, Argélia, Argentina, Fiji, Alemanha, Iraque, Japão, Coreia do Sul, México, Nigéria, Portugal, África do Sul, Dinamarca, Suécia e Colômbia.

A última seleção a conquistar uma vaga para o torneio foi a Colômbia, que também sonha em conquistar a primeira medalha de ouro e é um forte adversário do Brasil.

Protagonista da goleada histórica de 7X1, que exterminou de forma vergonhosa para o Brasil na última Copa, a Alemanha conquistou apenas um ouro em Jogos Olímpicos, no ano de 1976, representada na época, pela Alemanha Oriental e é uma das maiores expectativas de embate deste torneio. Argentina, que já possui duas medalhas de ouro em seu acervo, vem com garra para mais um ouro.

O México, que em 2012, nos jogos Olímpicos de Los Angeles, disputou a grande final com o Brasil, levando a medalha de ouro, também pode trazer dor de cabeça à nossa seleção.

Os favoritos para representar o Brasil na seleção olímpica

A equipe, ainda em formação, tem boas opções para representar o Brasil em campo nas Olimpíadas 2016, como o goleiro Ederson, que teve boa atuação nos últimos jogos contra a Nigéria e África do Sul e o lateral Fabinho, que é considerado um dos jogadores mais experientes da equipe e pode ter papel importante na seleção, jogando como lateral ou volante.

Um dos melhores zagueiros sub-23 do mundo, Marquinhos, também tem grandes chances de batalhar por essa medalha. Quanto a Felipe Anderson, este tem tido participação importante nos últimos jogos, sendo considerado um dos jogadores com uma das melhores atuações em campo.

Rodrigo Caio, que se destacou como capitão no último jogo contra a África do Sul, e Rafinha Alcântara, que voltou com tudo aos gramados depois de se recuperar de uma lesão no joelho, são praticamente certos na seleção.

Entre os destaques do Santos estão Gabriel, que pode atuar pelos lados do campo ou como centroavante e Thiago Maia, que tem apresentado boa evolução em suas jogadas.

Outros nomes com grandes chances de representar o Brasil são Andreas Pereira, do Manchester United e Gabriel Jesus, que com apenas 19 anos, é um dos mais novos da equipe, mas tem demonstrando boa evolução nos últimos meses.

As expectativas do Brasil nas Olimpíadas 2016

As Olimpíadas 2016 no Brasil serão um evento de muita importância no cenário mundial, e as expectativas do país anfitrião são grandes, não somente pelo futebol, mas em muitas outras modalidades em que o país tem grandes chances de conquistar o ouro.

Com uma seleção jovem e cheia de garra, a seleção olímpica do Brasil tem grandes chances de conseguir a inédita premiação nas Olimpíadas 2016 e subir no topo do pódio para comemorar. Você não acha? Conte pra gente nos comentários!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *