Foto: Divulgação

O campeão Taubaté Vôlei reencontra a torcida

O time joga neste sábado à tarde pela Superliga recebendo o Canoas

No reencontro com a torcida após a conquista da Copa do Brasil, o Taubaté Vôlei recebe o gaúcho Canoas, neste sábado, pela Superliga. No ginásio do Abaeté, o jogo começa às 14h10 porque terá transmissão pela Rede TV. Os taubateanos defenderão a terceira posição na classificação e ainda poderão encostar no vice-líder Sesi.

Cumprindo a promessa de ser o grande time que o seu elenco qualificado credencia, o Taubaté vive um começo de ano brilhante. Venceu os três jogos que fez pela Superliga, subindo da quarta para a terceira colocação e encostando no vice-líder. E nos outros três pela Copa do Brasil, mais três vitórias e o segundo título do torneio em três participações.

No sábado passado, em Campinas, o Taubaté mostrou todo o seu potencial em uma expressiva vitória na decisão da Copa do Brasil. Marcou 3 sets a 0 no Sesi, que é justamente o vice-líder da Superliga, o concorrente a ser ultrapassado. E o time ainda atuou desfalcado do renomado campeão olímpico Lucarelli, que segue atrapalhado por contusões, agora na sola do pé direito.

No final de 2016, o Taubaté oscilava em suas atuações e os momentos negativos custaram alguns pontos que deixaram o líder Cruzeiro disparar. Os jogadores reconheceram a necessidade de correções, prometeram um 2017 diferente e estão cumprindo. Consequentemente, a confiança aumenta o potencial do time e deixa os torcedores ainda mais interessados em assistir às partidas no ginásio do Abaeté.

Na Superliga

A fase atual da Superliga tem os 12 times se enfrentando em turno e returno. Os oito melhores avançarão às quartas de final e com as melhores campanhas adquirindo vantagens nos playoffs. Por isso, no momento, o desafio do Taubaté é superar o vice-líder Sesi e não permitir uma ultrapassagem do Campinas, o quarto colocado.

Depois de 13 rodadas concluídas, a terceira do returno foi aberta na quinta-feira. O Sesi recebeu o Minas e não conseguiu uma vitória de três pontos (3 a 0 ou 3 a 1). Fazendo 3 a 2, com parciais de 21-25, 25-21, 25-21, 21-25 e 15-3, somou apenas dois pontos e o Minas, um. O Campinas, em casa, não deixou escapar a oportunidade de um 3 a 0 sobre o penúltimo colocado. Marcou 3 a 0 no Maringá com parciais de: 27-25, 25-21 e 25-21.

Os dois resultados derrubaram o Taubaté para a quarta colocação. No entanto, com uma vitória de três pontos neste sábado, a equipe taubateana voltará à terceira posição e ainda colará no vice-líder Sesi, ficando apenas dois pontos de distância. E para o Canoas, o jogo valerá a chance de continuar na zona de qualificação, entre os oito melhores.

Classificação, jogos e o time

As duas partidas de quinta-feira deixaram a classificação assim: 1º) Cruzeiro – 38 pontos, 2º) Sesi – 34; 3º) Campinas – 32; 4º) Taubaté – 29; 5º) Montes Claros – 25; 6º) Minas – 18; 7º) Canoas – 17; 8º) Juiz de Fora – 16; 9º) Bento Gonçalves – 15; 10º) São Bernardo – 9; 11º) Maringá – 6 e 12º) Castro – 2.

Neste sábado, além do jogo do Taubaté, completarão a rodada: Cruzeiro x Castro (19h), Montes Claros x Bento Gonçalves (18h) e Juiz de Fora x São Bernardo (18h).

O técnico Cezar Douglas não antecipou a escalação do Taubaté, que vinha sendo a mesma até Lucarelli sair contundido. Contra o Campinas, Vinícius começou no lugar e Japa também foi aproveitado. A formação provável tem: Rapha, Wallace, Éder, Otávio, Lucas Lóh, Vinícius e o líbero Mario Júnior. Ficariam como opções para o banco de reservas: Japa, Gelinski, Kaio, Isbel Mesa, Renan, Jonatan, Nicolas e o líbero Matheus.

Fonte

cta_finalpost_taubate

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *