Foto: Divulgação

Domingo de decisão no Beira-Rio

De um lado, um time que começou desacreditado, foi avançando a duras penas e agora tem chances concretas de tornar-se heptacampeão estadual; de outro, uma equipe com uma campanha quase irretocável e em busca de um título inédito. Inter e Novo Hamburgo fazem neste domingo, a partir das 16h, no estádio Beira-Rio, o jogo de ida da decisão do Campeonato Gaúcho, em um duelo Capital contra Interior que promete ser o mais acirrado dos últimos anos.
Em um ano de ambições modestas (entre as quais a principal é retornar à primeira divisão do futebol brasileiro), o Colorado ainda é um time em afirmação, e manter a hegemonia do futebol gaúcho é uma boa oportunidade para aumentar a confiança dos comandados de Antônio Carlos Zago. Já o Noia entra como franco-atirador, mas um “senhor” franco-atirador: depois de emplacar seis vitórias consecutivas e garantir o primeiro lugar na fase de classificação, chegou à decisão ao eliminar nada menos que o Grêmio nos pênaltis.
Em campo, uma das preocupações de Zago é a falta de opções para o gol. Com Danilo Fernandes e Marcelo Lomba lesionados, Keiller é o titular. Herói da classificação nos pênaltis contra o Caxias, ele não tem um reserva imediato à disposição. Nesta quinta-feira, as ausências no CT do Parque Gigante foram os zagueiros Leo Ortiz, que fez um trabalho especial na academia, e Víctor Cuesta, gripado. Uma das dúvidas é em relação a quem substituirá Brenner, já que o artilheiro colorado está suspenso. William, que cumpriu suspensão diante do Caxias, pode retornar à equipe. A possível escalação para domingo: Keiller; William, Leo Ortiz, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Anselmo, Edenilson e D’Alessandro; Nico López e Carlos (Roberson).
A preparação do Novo Hamburgo para o primeiro jogo da decisão recomeçou nesta quinta-feira, com a reapresentação do grupo de atletas. Beto Campos comandou, no Estádio do Vale, um trabalho com portões fechados à imprensa e aos torcedores. Se o técnico anilado não surpreender, o time que vai a campo deve ter Matheus; Léo, Júlio Santos, Pablo e Assis; Amaral, Jardel, Preto e Juninho; Branquinho e João Paulo. A direção do Noia irá disponibilizar transporte gratuito para os torcedores que forem ao Beira-Rio acompanhar o primeiro jogo da final do Gauchão. Os interessados em garantir o seu lugar devem ligar para a secretaria do clube e passar nome e RG, até esta sexta-feira, às 16h. O telefone para contato é 3553.1900.
Em meio a esse clima de decisão, uma dúvida: o local da finalíssima. O Novo Hamburgo busca ampliar a capacidade do Estádio do Vale, que não tem os 10 mil lugares exigidos pelo regulamento da competição. A Federação Gaúcha de Futebol reservou o Centenário, em Caxias do Sul, como plano B, mas concedeu prazo até terça-feira para que o Noia instale arquibancadas móveis e consiga, assim, sediar o jogo decisivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *