Foto: Divulgação

Diretor do Bahia diz que prioridade será manter a base

Está mais do que claro: por ora, o foco do Bahia está menos em contratar para 2017 do que em manter a base que já tem. Nesta segunda-feira, 5, o diretor de futebol Nei Pandolfo reforçou essa visão, e chegou até a citar nomes dos jogadores que são prioridade para o Tricolor.

“Precisamos decidir sobre o goleiro, já que Muriel tem contrato com o Internacional, ver quem serão nossos laterais, já que Eduardo e Moisés não são jogadores nossos, como também não são Luiz Antônio e Edigar Junio. Temos que priorizar esses atletas, que estão aqui, que nós já conhecemos e que tiveram bom rendimento em 2016”, disse, em entrevista ao Programa do Esquadrão.

Na visão do dirigente, manter uma base do time de 2016 será fundamental para encarar o primeiro ano de retorno à Série A: “É um planejamento que tem tudo para dar certo, já deu certo no Sport. Esses jogadores já conhecem o elenco, conhecem a comissão técnica, o formato de trabalho dela, então você ganha tempo de preparação com isso”.

Pandolfo reforçou que a procura será por atletas com bagagem: “A Série A é muito difícil, então os atletas têm que ser bons não só fisicamente e tecnicamente como também em termos de mentalidade, de saber se portar diante de um adversário mais difícil”.

Decisão do sub-20

Depois de quarta-feira, 7, às 20h15 (horário da Bahia), o Esquadrão enfrenta em Pituaçu o São Paulo pelo jogo de volta da Copa do Brasil da categoria.

O duelo seria na última quinta-feira, mas teve de ser adiado por conta da tragédia com a Chapecoense. No duelo de ida, no Morumbi, o Esquadrão perdeu por 3 a 1. Para não depender dos pênaltis, o Bahia precisa devolver com um triunfo por três gols de diferença.

O técnico Aroldo Moreira não terá duas peças importantíssimas: o volante Júnior Ramos e o atacante Kaynan, suspensos pelo terceiro amarelo. Ambos participaram dos oito jogos até aqui no campeonato, e o atacante é o artilheiro do time, com cinco gols.

Nesta segunda, Aroldo comandou um treino tático no Fazendão. A tendência é que no ataque entre Marco Antônio, titular no início do torneio, e no meio a vaga deve ficar com Sávio.

Fonte

cta_finalpost_bahia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *