André Sá retoma pré-temporada com foco nas Olimpíadas

André Sá retoma pré-temporada com foco nas Olimpíadas

André Sá, número três do Brasil e 42º do ranking da ATP, retomou esta semana seus treinamentos da pré-temporada na praia do Estaleiro, em Balneário Camboriú após o final de semana inaugurando as quadras que servirão pros Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em agosto. Durante o final de semana, Sá, natural de Belo Horizonte, mas radicado em Blumenau, desde 2003, jogou com o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, e venceu exibição ao lado de Marcelo Demoliner contra Bruno Soares e João Souza, o Feijão, por 6/4 3/0 10/7.

– Foi uma experiência ótima. Acho que deu tudo certo. A velocidade do jogo, o clima, acho que foi tudo legal, tudo passou no teste. Todo mundo se sentiu confortável na quadra, acho que a visibilidade também foi boa, a distância da arquibancada e das cadeiras de juízes, a gente se sentiu bem. Como foi a primeira vez, a tendência é só melhorar até os jogos – disse André.

André esteve nos Jogos Olímpicos de 2004, em Atenas, na Grécia, com Flávio Saretta, de 2008, com Marcelo Melo, em Pequim, na China, e, de 2012, com Thomaz Bellucci, em Londres, na Inglaterra, em Wimbledon. Como terceiro melhor do país, uma de suas metas é disputar a quarta Olimpíada seguida.

André segue sua preparação com Bruno Volkmann e tem definidos seus primeiros torneios para 2016, em Doha (Qatar), a partir de 4 de janeiro, Sydney (Austrália), a partir do dia 11, e o Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, dia 18. Sá jogará com o australiano Chris Guccione com o qual foi campeão no ATP 250 de Nottingham, na Inglaterra, e vice no ATP 250 de Shenzhen, na China. André somou quatro finais e três títulos em 2015.

– Tenho ótimas expectativas para 2016, consegui um bom parceiro fixo com ótimos resultados em 2015 e vamos seguir para o próximo ano jogando o ano todo. A meta é subir no ranking e disputar a Olimpíada do Rio de Janeiro que sem dúvida será especial – declarou André que na temporada passada foi campeão também em Buenos Aires, na Argentina, com Jarkko Nieminen (Finlândia) e Umag, na Croácia, com Máximo Gonzalez (Argentina).

Fonte:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *